“Onde deixarei meu coração”, de Sarra Manning

download

 

“Les temps sont durs pour les réveurs…”

“Os tempos estão difíceis para os sonhadores…”

Este livro é um YA, mas antes que você pense que é uma simples história de adolescente em crise, saiba que ele tem muita coisa previsível, mas tem também muita coisa surpreendente. Esta é a história de Bea. Uma garota de 17 anos que mora em Londres e é apaixonada por Paris. Sua mãe, de 34 anos, ficou gravida de Bea aos 17 e por isso quer se certificar de que sua filha não cometa os mesmos erros que ela na adolescência.

A fissura de Bea por Paris se dá porque ela não conhece seu pai, e tudo que sabemos no livro até então, é o que sua mãe conta: um parisiense que voltou para a França assim que o teste de gravidez deu positivo e ele nunca mais voltou. Mas Bea acha que tem esse lado parisiense dentro dela também, e por isso frequenta aulas de francês e coleciona objetos e é fã de tudo que remete à França. No desenrolar da história, uma ex-amiga de Bea volta a falar com ela e começa a chama-lá para andar com seu mais novo grupinho, incluindo a garota mais popular do colégio. De certa forma, isso faz com que Bea se sinta especial, já que ela se acha a pessoa mais sem graça do mundo.

Durante as saídas de Bea com essa nova galera, ela vê novas amizades e nas férias, mesmo com sua mãe não gostando da ideia, as mesmas meninas, as populares, fazem questão de que Bea vá com elas para uma praia na Espanha. É claro que não era só a simples amizade de Bea que elas queriam. É nesse ponto do livro que dá para diferenciar esse YA dos outros. A reação da protagonista diante tudo o que acontece com ela na Espanha, a faz parecer nossa heroína. Bea simplesmente decide abandonar tudo e ir para a França, a Paris, a conhecer seu pai que ela não sabe nem o nome mas que está determinada mesmo assim.

Acontece que, como dá para perceber, tem romance no livro e é durante a ida de Bea à França que eles se conhecem, junto de um grupo de amigos americanos que salvaram as férias de Bea. Christopher (Toph) é simplesmente a dose de realidade que nossa protagonista precisava. Uma nova Bea surge. Uma Bea determinada, firme e confiante nela mesma e… Qualquer coisa que eu contar a mais agora vai ser spoiler, então corra e compre o livro!

“Onde deixarei meu coração” foi escrito por Sarra Manning, publicado originalmente na Grã Bretanha em 2010 com o título de “Nobody’s girl”. No Brasil, foi publicado no segundo semestre de 2014 pela Galera Record. Ele tem coisas até clichês, e se tratando de um romance adolescente, me surpreendeu e muito. Eu fiquei chateada com umas coisinhas que pra mim não tinham necessidade, ou até mesmo um ou outro palavreado mais “chulo” do nada. Mas isso não tira o mérito de bom livro. Cita filmes, livros, autores e livrarias famosas. Este livro me encantou. É a própria protagonista que narra a história a autora soube muito bem nos mostrar a Paris de Bea. Eu também me senti em Paris. Até surgiu a vontade de estar na Pont Neuf, apreciando o rio Sena…

les_temps_sont_durs_by_scyiss-d4e5m62

Bonne lecture! Boa leitura!

Por Vitória Regina

Princesa Adormecida, de Paula Pimenta

Princesa Adormecida

“Durante muito tempo eu apenas imaginei
como seria a sensação de estar apaixonada.”

Era uma vez…

          O livro conta a história de Rosa (ou Áurea), que é uma garota criada com os três tios homens. Na verdade ela é filha da irmã desses tios e seu pai é da família Real de um lugar chamado Liechteinstein, na França. Porém acontece algo muito chato que faz com que a então Áurea tenha que se separar dos seus pais, e por motivos de segurança, ir morar no Brasil, fazendo assim com que todas as suas antigas memórias fossem “apagadas”. Aqui, passou a se chamar Anna Rosa e foi educada em casa pelos seus queridos tios que fizeram da menina uma pessoa de valores e super inteligente, além de apaixonada por música. Com uma certa idade, eles resolveram colocá-la numa escola de verdade, onde passava a semana toda e também foi aí que começou uma amizade muito especial.

          Anos depois já nessa escola, Rosa, que era muito aplicada nos estudos, entre um horário e outro das aulas, recebe uma mensagem de um desconhecido. O grande receio dela é de que seus tios ensinaram que ela jamais deveria falar com estranhos. Mas aquele garoto… Ah, ele estava aumentando cada vez mais a sua curiosidade…

          Quando Rosa completa seus 16 anos de idade, suas amigas do colégio resolvem dar um certo presente. E a partir daí acontecem muitas coisas e mudanças até o dia de uma apresentação de piano, e então… Eis o momento que você para de ler a resenha e vai correndo comprar para ler e descobrir o que acontece, ora bolas. 😀

          Este não é um simples livrinho infantil. É um juvenil cor-de-rosa, como a autora define suas obras. E cá pra nós: que maravilhoso cor-de-rosa! Eu o li entre duas semanas mas é facilmente devorado em uma tarde de tão gostosa que é a leitura. Confesso a vocês que só demorei mesmo com pena de acabar (triste fim).

          Toda menina já sonhou ser um tipo de princesa um dia, não é mesmo? “Princesa Adormecida” é uma releitura do clássico A Bela Adormecida. Foi escrito pela autora brasileira Paula Pimenta e lançado no 1º semestre de 2014 pela editora Galera Record. Tudo indica que seja o primeiro volume da série de novas versões das histórias de princesas.

Boa leitura!

          Por Vitória Regina

Sorte ou Azar?, de Meg Cabot

Imagem  Todos aqueles olhares maldosos fizeram com que eu percebesse que estava mesmo na cidade de Nova York.

 

     “Sorte ou Azar?” é uma história típica de quem quer ler algo em um dia só. Uma história leve, adolescente, com uma dosagem de aventuras quase mágicas, bem divertida e muito bem contada.

     O livro conta a história de Jean Honeychurch, quando ela sai de sua casa no interior para morar com seus tios em Nova York. A personagem principal também é a narradora da história. (Se vocês já leram a sinopse, sabem que lá tem referência à bruxaria. Qual será a ligação de Jean com isso??)

     Jinx, como também é conhecida, é caracterizada como a garota ruiva de cabelos cacheados do interior com MUITA falta de sorte. Como nem tudo são flores (para variar…), ela enfrenta bastante dificuldade com a escola, com sua prima esquisita Tory e tudo isso em nome de esconder um grande segredo que mudou sua vida.

“Ah, Vivi… tem romance não??!”

     Bem, ter até tem. Jinx gosta de um carinha – mui fofo, por sinal – que se chama Zach. Mora no mesmo bairro e estuda na mesma escola que ela. Mas se não tivesse obstáculo não teria graça, hein Meg Cabot? 

     No Brasil, o livro foi lançado pela Galera Record em 2008 e tem uma capa bem linda. O título original em inglês é “JINX” e foi publicado em 2007.

     Para entender bem tudo isso, só lendo. (SEM SPOILER, não é mesmo?!)

     Leiam, descubram o segredo de Jean, se deliciem com a história e depois mandem pra mim nos comentários o que acharam.

 

Por Vitória Regina